Festa pra um: masturbação

Sexo a dois, a três (ou mais!) é uma ótima, não é mesmo? Mas também é bom conhecermos nosso próprio corpo, explorar e perceber nossos pontos de maior excitação. As diferentes sensações desencadeadas pelo toque, o ritmo e a intensidade dos movimentos. Saber dar-se prazer pode ser determinante para que o sexo com o outro seja prazeroso.

A masturbação, seja sozinha ou acompanhada, é uma coisa natural e melhor ainda: recomendável! Algumas dicas podem te fazer tirar o máximo de prazer do sexo solo.

Crie o ambiente

Não é só para receber a visita do boy ou da gata que é importante preparar o quarto e vestir uma roupa especial. Vista peças que façam com que você se sinta bem. Se veja no espelho, em várias posições. Coloque uma música gostosa, acenda uma vela aromática, uma iluminação discreta e passeie pelo seu corpo. Filmes, imagens ou leitura erótica também podem ser uma boa opção para te ajudar a criar um clima cheio de vontade! Esse momento exige privacidade e melhor ainda se for praticada sem pressa e sem a “obrigação” do orgasmo. Curta-se e permita-se, no seu ritmo.

Experimente

Pode ser tentador deixar o vibrador ou outros brinquedinhos fazerem todo o trabalho, mas experimente permanecer por um tempo balançando os quadris em movimento contínuo, experimente diferentes toques. Mude o ritmo da estimulação, se atenha às diferentes sensações, toque seu corpo, não se concentre apenas no órgão sexual! Nosso corpo é repleto de pontos que podem te levar a incríveis sensações! Esse momento de experimentação pessoal também pode ser interessante para que você teste coisas que tem curiosidade: tem vontade de experimentar penetração anal, mas está inseguro ou insegura? Brinque com lubrificantes, plugues, observe seus níveis de excitação para decidir se está pronto para experienciar essas sensações à dois.

Crie seu próprio ritmo

Lembre-se que você está conhecendo seu corpo e tem todo o tempo para isso, não se apresse, vá por etapas, observe o que de fato lhe dá prazer. Para as mulheres, por exemplo, não é imprescindível que a masturbação se concentre em penetração: massagear o clitóris e os lábios internos pode ser tão excitante e satisfatório quando a penetração do vibrador ou de seus dedos.

Hora da fantasia

Esse momento é íntimo e particular, deixe as fantasias fluírem à vontade! Criar fantasias pode ser um grande estímulo sexual, favorecendo e intensificando o desejo. Imaginar a presença de alguém, viver determinado personagem ou uma situação específica, faz parte da potencialização da sexualidade e é bastante saudável.

Preliminares

A masturbação também pode ser uma divertida preliminar a dois, que tal? Vão se encontrar a noite? Já comece esquentando as coisas enviando mensagens para seu parceiro ou parceira narrando tudo que está fazendo. Certeza que as coisas vão ficar bem quentes quando vocês se encontrarem! Tem coisa mais sexy que já encontrar o parceiro com a excitação lá nas alturas?

Confira todas as dicas que já publicamos em nosso blog: AQUI