Dá pra ser feliz sozinho no mês dos namorados

No mês que se comemora o Dia dos Namorados, os solteiros podem se sentir deslocados e até meio infelizes – afinal, para todo lado tem gente falando de amor, paixão, namoro, casamento, corações vermelhos, flores, trocas de presentes. Tudo parece sugerir que, para alcançar a felicidade plena, é estritamente necessário ter alguém que participe da sua vida, conheça sua família, seu cachorro e que compartilhe de sonhos comuns contigo. Mas estamos aqui para dizer o óbvio e ajudar a passar pelo mês dos namorados: é possível ser feliz solteiro!

Ok, ok, às vezes parece que tudo joga na nossa cara o quão maravilhoso é ter alguém. Seja naquela cena romântica com seus atores preferidos, seja acompanhando a história de amor de um casal de amigos. E ainda tem toda a história que, principalmente para as mulheres, o casamento é a única forma de realização pessoal. Estar namorando é muito bom, mas a solteirice pode ter suas vantagens.

Prazer solo

É bom conhecermos nosso próprio corpo, explorar e perceber nossos pontos de maior excitação. É normal se masturbar, estando sexualmente ativo com outras pessoas ou não. Até porque a masturbação tem benefícios para a saúde, como reduzir o estresse e ajudar a dormir melhor. Por isso nosso blog já trouxe várias dicas pra tirar o melhor do prazer na hora da masturbação: dicas para uma masturbação foda e festa pra um ;P

Amigos

Já perceberam que algumas pessoas tendem a se afastar dos amigos quando estão em um relacionamento sério? Algumas pessoas porque só querem ter tempo para o amado e outras porque entendem que está começando uma ‘vida nova’, que irá lhe apresentar novos amigos e novas possibilidades – alguns parceiros até cobram que o outro se afaste dos amigos. Visão meio limitada, né? Bom, taí uma boa vantagem da vida de solteiro: curtir seus amigos na plenitude! Bar, balada, cinema, sessão fofoca, momento ombro amigo. Eles estão na sua vida para isso e é muito legal poder curti-los sem hora para acabar ou sem ter que dar satisfações sobre o tempo que passa com eles. Mas atenção: nada de ciumeira quando um membro da turma começar a namorar, hein?

Foco no trabalho

Você ama seu trabalho, adora se dedicar a ele, não se importa em virar noites trabalhando e falar sobre trabalho com seus colegas de trabalho é seu passatempo preferido. Ou você está com foco na sua carreira e surge uma oportunidade: uma vaga com salário melhor, uma chance de ouro em outra cidade, em outro estado, em outro país! Solteiros estão muito mais aptos e abertos a toparem essas mudanças drásticas em suas vidas, afinal, não dependem de decisões e acordos com parceiros.

Objetivos

Defina os seus objetivos sem estresse e sem influências. Em uma vida a dois, os planejamentos dos próximos passos tendem a ser pensados juntos. Na vida de solteiro você define tudo, do destino das férias ou o prato do jantar.

Auto-estima

Pode não ser fácil cultivar sua auto-estima, mas quando você se vê como capaz, através de seus próprios esforços e se constrói como forte e confiante sem a necessidade de outra pessoa, pode ser transformador. E cá entre nós: auto-estima é item essencial para se carregar quando se entra em um relacionamento. Portanto, construa ela durante a solteirice e se faça forte!

Aproveite

E claro, estar solteiro não significa optar por uma vida celibatária. Você pode aproveitar para conhecer gente interessante, beijar, transar, passear, rir, mas sem as obrigações que os compromissos carregam. É só não esquecer de usar Up.

Pode até chegar aquele momento que bate um vazio, uma vontade de fazer uma janta juntinhos, compartilhar um roteiro de viagem, decidir juntos o que assistir na TV. Não existe um estado civil ideal e você não tem a obrigação de permanecer nele. Existem momentos diferentes da vida e o primordial é que você aproveite o que cada um deles pode oferecer de melhor e seja muito feliz em cada!

Confira todas as dicas que já publicamos em nosso blog: AQUI